titmaniadeblogarhome

Cabelo de bebê sempre é muito bonitinho, porque é mais fino e delicado do que os fios dos adultos. Por isso, muitos pais têm pena de cortar o cabelo dos filhos e acabam adiando um pouco a ida ao cabeleireiro, até o momento em que isso se torna inevitável. O que fazer nesse momento? A reação das crianças na hora de enfrentar a tesoura é uma preocupação constante. A maioria delas chora, esperneia e se recusa a colaborar. Como ajudar seu filho nesse momento?

Veja nosso miniguia do primeiro corte e saiba quando e como cortar o cabelo de seu filho para mantê-lo sempre saudável!

Qual é a hora certa de cortar?

Depende de como é o cabelo de seu filho. Alguns bebês nascem com muito cabelo, enquanto outros apenas com alguns fiozinhos. Por isso, alguns vão precisar de corte aos seis meses, e outros com um ano. A regra geral é: corte o cabelo do seu filho quando os fios começarem a incomodar, ou seja, quando a franja começar a tapar os olhos ou os fios da nunca incomodarem no verão, por exemplo.

Como deve ser o corte?

Quando se trata de corte infantil, o ideal é que não se corte muito. O processo não pode ser muito demorado, ou a criança vai começar a ficar entediada e irritada. Esse primeiro corte deve ser só para arrumar o que estiver atrapalhando e emparelhar os fios que crescem. Deixe os cortes mais mirabolantes e sofisticados para quando seu filho for mais velho!

Como acalmar a criança?

É normal que a criança fique desesperada no cabeleireiro – é uma pessoa que ela nunca viu, em um ambiente completamente novo, apontando um objeto que ela não conhece. São muitas informações juntas para uma criança. Como deixar a experiência menos traumatizante? O primeiro passo é explicar, de modo que seu filho entenda, o que vai acontecer com ele. Na hora do corte, o segredo é tentar distraí-lo, conversando e brincando com ele enquanto o cabeleireiro faz seu trabalho. Lembre-se de levar algum brinquedinho que ele goste para o salão. Assim, ele se distrai e se sente mais seguro. Também é ideal ir sempre ao mesmo cabeleireiro, para que seu filho reconheça o profissional e não o estranhe com o passar do tempo.

Como cuidar do cabelo infantil?

Para deixar os cabelos de seu filho sempre fortes e saudáveis, as regras são as mesmas dos cabelos dos adultos: lave-os com a frequência necessária para o tipo de cabelo – mais se for oleoso, menos se for seco -; vá ao cabeleireiro no mínimo uma vez a cada 3 meses para cortar ao menos as pontas dos fios da criança; e, por fim, use produtos infantis, que têm agentes químicos menos agressivos e são ideais para crianças de até 12 anos,

Essas são nossas dicas para que o primeiro corte de cabelo do seu filho não seja uma experiência traumática. Se, ainda assim, ele chorar e espernear, seja paciente! Essa fase passa logo. O mais importante é não deixar de ir ao cabeleireiro, pois esses cortes regulares vão ajudar os cabelos de seu filho a ficarem mais fortes e saudáveis!

Se você tem mais alguma dúvida sobre o primeiro corte infantil, passe na Glitz Mania e converse com nossos profissionais!